FACEBOOK EXIGIRÁ QUE ANUNCIANTES POLÍTICOS SE IDENTIFIQUEM

0
181

Os anunciantes do Facebook que querem promover seus pontos de vista sobre questões políticas fundamentais – como o aborto e os direitos da Segunda Emenda – terão agora que verificar sua identidade e localização, anunciou a empresa hoje. Esses “anúncios de problemas” também serão rotulados como “anúncios políticos” na plataforma, além de informações sobre quem paga pela sua existência. A empresa diz que a inteligência artificial e os humanos reais vão vasculhar os anunciantes para identificar aqueles que precisam ser rotulados e verificados. Os usuários também podem denunciar anúncios que parecem de natureza política e estão com a falta de confirmação.

 

O CEO Mark Zuckerberg publicou um post anunciando essas mudanças hoje, junto com as notícias de que ele e a empresa apóiam a proposta de Honest Ads Act.
Zuckerberg escreve: “A interferência de eleições é um problema maior que qualquer outra plataforma, e é por isso que apoiamos a Lei de anúncios honestos. Isso ajudará a elevar o nível de toda a publicidade política online. ”

Todas essas mudanças acontecem quando o Facebook lida com a interferência eleitoral global lançada de sua plataforma. Essas mudanças chegarão aos EUA inicialmente e serão lançadas ao redor do mundo neste verão. O Facebook instituiu anteriormente essa verificação para anúncios eleitorais.

DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO

COMENTÁRIO

Recomendado: