Notícias Jonny Carvalho

Uber desiste de testes com carros autônomos nos EUA

Uber desiste de testes com carros autônomos nos EUA

Uber anunciou o fim de suas operações com carros autônomos no estado do Arizona, nos Estados Unidos, meses após um acidente fatal envolvendo um de seus veículos.

Depois da tragédia que ocorreu em março, a companhia suspendeu os testes com seus carros autônomos nos Estados Unidos inteiro. A empresa está retomando as atividades do setor de pesquisa, mas não retornará ao estado em que o acidente aconteceu. As operações no Arizona envolviam mais de 300 funcionários da Uber.

O Estado do Arizona é conhecido por ter leis mais abertas para carros autônomos, o que faz o estado ser bastante cobiçado por companhias do ramo, como a Waymo. A saída da Uber do local pode acabar atrasando as pesquisas da empresa com veículos que dirigem sozinhos.

Desde o acidente, que tirou a vida de uma mulher de 49 anos, a polícia local e órgãos dos Estados Unidos estão investigando o caso. Uma das correntes indica que o carro da Uber foi capaz de identificar a pedestre com seus sensores, mas as configurações do software consideram um “falso positivo”, o que levou o carro a seguir normalmente.

Outro problema que pode ter levado ao acidente foi a decisão da Uber de diminuir o número de sensores do veículo. Os primeiros carros autônomos da empresa andavam com sete sensores Lidar, enquanto os mais recentes são equipados com apenas um, como aponta o Wall Street Journal.

A Uber não comentou oficialmente sobre as investigações, mas dará andamento em suas pesquisas com carros autônomos nos estados da Califórnia e Pensilvânia

DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO

COMENTÁRIO

Sobre o autor | Website

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.