YouTube coleta ilegalmente dados sobre crianças, dizem grupos de proteção infantil

0
26

A bola da vez, agora, é o YouTube, acusado por grupos de pais e em defesa da privacidade de violar coletar dados de crianças que acessam à plataforma, violando assim a Child Onlie Privacy Protection Act (COPPA), lei que garante proteção à privacidade dos pequenos nos Estados Unidos. Segundo a legislação, as empresas precisam notificar e obter consentimento dos pais sempre que forem coletar dados de crianças menores de 13 anos de idade, o que não teria acontecido neste caso.

 

A denúncia foi direcionada à FTC, a Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos. Desde que a lei foi escrita (em 1998) e ampliada (em 2012), o órgão já aplicou sanções com base na COPPA diversas vezes  e, desta vez, promete avaliar a acusação. Caso a Google seja considerada culpada, ela pode ser obrigada a pagar uma multa bilionária: US$ 41.484 por criança que teve seus dados coletados ilegalmente.

A GOOGLE afirma que trabalha no desenvolvimento de ferramentas para proteger as crianças, apesar de reconhecer que a sua plataforma de vídeos não deveria ser utilizada pelo público infantil.

DEIXE SEU COMENTÁRIO ABAIXO

COMENTÁRIO

Recomendado: